quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Poema-Escuridão

Foto de Gracinha Domingues.

Escuridão...

A escuridão possui-me...
As trevas do pensamento humano
A escuridão dos seus corações
os subúrbios dos seus desejos...
a mais amarga tristeza de uma lágrima derramada
sobre uma espada cravada em corações inocentes...
Esta dor que dói sem nos apercebermos...
que corrói nossas entranhas....
que magoa...a mais pura sensação de fraqueza...
Presos nos escombros
Prestes a cair no abismo fatal...
A solidão... magoa...
Mata-nos aos poucos com os seus espinhos...
sangue derramado incolor a nossos olhos...
pobre criatura presa nas trevas.
seu sofrer já não mais sentido...
seus gritos mudos...
suas lágrimas secas...
seu olhar vaço...
apenas dor...
apenas alma...
apenas solidão em seu coração!

 Isabel

Sem comentários:

Enviar um comentário